mxrrocker
Green River

Home

Alice in Chains | Black Sabbath | Cannibal Corpse | Coal Chamber | Dark Tranquillity | Green Day | Green River | Kyuss | Krisiun | L7 | Melvins | Metallica | Mother Love Bone | Mudhoney | Nirvana | Pearl Jam | Ramones | Screaming Trees | Slayer | Soundgarden | Temple Of The Dog | The Doors | Veruca Salt | Cifras e Tablaturas | Citaçoes | Bloody Ice Cream | Coffee and Tv | Coluna da *ALICE JUNKHEAD | Coluna Torta | TIENDA DEL CHAVO | Letras Traduzidas | Lost in the Dark

aic_acustico.jpg

aic_acustico.jpg

Green River
Formação: Seattle, WA em 1984.
Acabou em 1988.

Mark Arm: vocal
Stone Gossard: guitarra
Bruce Fairweather: guitarra
Jeff Ament: baixo
Alex Vincent: bateria

Biografia:

O Green River foi formado em 1984 por Mark Arm e Steve Turner. Eles tocaram juntos nas bandas Mr. Epp e The Limp Richards por um curto período, e, após o fim dessas bandas, decidiram formar o Green River. Eles chamaram o baixista Jeff Ament, na época da banda Derranged Diction, com quem Steve já havia trabalhado. De início Jeff hesitou em entrar para a banda, pois não tinha uma boa impressão do som de Mark no Mr. Epp, que na época era apresentado como "a pior banda do mundo". Finalmente Steve convence Jeff a entrar para a banda e o próximo passo foi recrutar o baterista Alex Vincent da banda Spluii Numa.

A primeira gravação foi a música "Swallow My Pride", que mais tarde foi incluída na trilha sonora do obrigatório documentário HYPE. No fim daquele ano, Stone Gossard, que fazia parte dos Ducky Boys juntamente com Steve, entrou para banda como guitarrista. Assim, Mark pôde concentrar-se unicamente nos vocais. Com a formação definitiva, o Green river estava pronto para a gravação de seu álbum de estréia, o EP "Come On Down" pela gravadora Homestead, que foi lançado 6 meses mais tarde. Pouco antes do lançamento, a banda fez uma pequena turnê pelos Estados Unidos (a primeira deles), incluíndo um show no famoso CBGB's de Nova York.

De volta a Seattle, Steve resolve deixar a banda para formar o Thrown Ups, no qual Mark ingressou mais tarde. No Green River, Steve foi substituído por Bruce Fairweather. A banda voltou para o estúdio e gravou duas músicas para a hoje clássica coletânea "Deep 6 Compilation" da C/Z Records juntamente com banda como Melvins, Skin Yard, The U-Men, Soundgarden e Makfunkshun. Na metade de 86 eles gravaram seu segundo EP, "Dry as a Bone". O álbum foi produzido por Jack Endino e foi lançado no então recém-fundado selo SubPop já em 1987. Com mais uma turnê, logo o Green River começava a chamar atenção no meio underground. Ao lado do Soundgarden, o Green River é o principal responsável por colocar Seattle no mapa, gerando o início de um processo que iria culminar com a explosão do Nirvana, vários anos mais tarde.

Aproximadamente no final de 1987 banda já começava a trabalhar em seu próximo disco, "Rehab Doll", produzido inicialmente por Jack Endino e finalizado por Bruce Calder. No entanto, pouco antes do lançamento previsto do álbum em 1988 a banda anuncia o seu final.

Os boatos sobre a razão que motivou o fim da banda dão conta de que Stone e Jeff queriam assinar um contrato com uma grande gravadora enquanto que Mark e Alex queriam continuar independentes. O conflito teria iniciado em um show em Los Angeles quando Jeff distribuiu todos os ingressos de cortesia da banda para empresários e pessoal de gravadoras, não reservando ingressos para os amigos da banda.

Após o fim do Green River, Steve e Mark se reuniram a Matt Lukin do Melvins e Dan Peters do Bundle of Hiss e formaram o Mudhoney. Stone, Jeff e Bruce uniram-se a Andy Wood para formar o Mother Love Bone. Quando Andy Wood morreu, Stone e Jeff formaram o Pearl Jam. Alex mudou-se para o Japão para estudar Direito.

O Green River ficou conhecido nos anos 90 por ser a banda que deu origem ao Mudhoney e Mother Love Bone (mais tarde Pearl Jam). E de fato, o som da banda relembra suas influências, a mistura de um punk sujo típico do fim da década de 70, início dos 80 (que predomina no som do Mudhoney), com o rock'n'roll clássico dos anos 70 de Led Zeppelin e Aerosmith (que foram as principais influências no som do Mother Love Bone).

Discografia:

Come On Down (EP)1986 (Homestead)
Dry As A Bone (EP)1987 (SubPop), fora de catálogo
Rehab Doll (EP)1988 (SubPop), fora de catálogo
Dry As A Bone / Rehab Doll1988 (SubPop)

krisiun4.jpg