mxrrocker
Green Day

Home

Alice in Chains | Black Sabbath | Cannibal Corpse | Coal Chamber | Dark Tranquillity | Green Day | Green River | Kyuss | Krisiun | L7 | Melvins | Metallica | Mother Love Bone | Mudhoney | Nirvana | Pearl Jam | Ramones | Screaming Trees | Slayer | Soundgarden | Temple Of The Dog | The Doors | Veruca Salt | Cifras e Tablaturas | Citaçoes | Bloody Ice Cream | Coffee and Tv | Coluna da *ALICE JUNKHEAD | Coluna Torta | TIENDA DEL CHAVO | Letras Traduzidas | Lost in the Dark

aic_acustico.jpg

Green Day:

Mike Dirnt - baixo
Billie Joe Armstrong - vocal e guitarra
Tré Cool - bateria

Biografia:

Dá pra dizer que a história do Green Day começou em 1972. Nesse ano nasceram os três integrantes da banda: Billie Joe Armstrong, Mike Dirnt e Tré Cool.

Billie Joe era o mais novo de seis filhos de uma família classe média californiana. O pai (que morreu quando ele tinha 10 anos) era um caminhoneiro que de vez em quando se arriscava como músico de jazz. A mãe era garçonete e fã de country music. Com onze anos Billie Joe ganhou sua primeira guitarra: uma "Stratocaster" azul que ele tem - e usa - até hoje.

Billie conheceu Michael Pritchard (que mais tarde assumiria o nome Mike Dirnt) de uma forma nada convencional. Quando Mike nasceu, sua mãe era viciada em heroína. Resultado: ele foi pra adoção. Seus pais adotivos se separaram quando ele tinha sete anos. Ele ficou de um lado pro outro até que aos 15 saiu de casa e procurou um quarto pra alugar e morar. Advinha na casa de quem ele bateu? Billie Joe.

Enquanto isso rolava, Frank Edwin Wright III crescia numa cidade ao norte de São Francisco. Pra você ter uma idéia, o vizinho mais próximo ficava a mais de um quilômetro da casa dele.

Com apenas 12 anos, Frank entrou pra uma banda punk local e já adotou o nome Tré Cool. Eles chegaram a gravar um álbum que atraiu a atenção da galera. Quando se ligou, Tré Cool já estava tocando em um "punk club" perto de São Francisco.

Em 1987, os amigos Billie Joe e Mike decidiram formar uma banda. Billie nos vocais e guitarra e Mike no baixo. Com o nome de "Sweet Children" eles fizeram seu primeiro show no mesmo ano, no Rody's Hickory Pit - onde a mãe de Billie trabalhava como garçonete e Mike cozinhava pra ganhar uma grana.

A banda não durou muito com esse nome. Em 1989 eles mudaram o nome para Green Day. O batera deles nessa época era John Kiffmeyer, conhecido como Al Sobrante.

Eles acabaram assinando um contrato com a Lookout Records, que já tinha outras bandas punk em seu cast. Bateram muita cabeça, tocaram em lugares que mal tinha iluminação pra uma meia-dúzia de testemunhas, mas conseguiram lançar ainda em 1989 seu primeiro EP, "1000 Hours". No ano seguinte (1990) finalmente veio o "suado" álbum de estréia do Green Day, "1039/Smoothed Out Slappy Hour".

Após o lançamento do cd, o batera John decidiu sair da banda para fazer faculdade e foi rapidamente substituído por Tré Cool. Os caras estavam animados pra tocar com a nova formação e armaram uma turnê por várias cidades assim que Mike Dirnt se formou, em 1990. Ele foi o único a completar os estudos. Billie Joe e Tré Cool já tinham saído da escola há um tempo.

Depois de tocar em alguns lugares eles voltaram para o estúdio. Em 1992 veio "Kerplunk", o segundo álbum dos caras. O disco vendeu 30 mil cópias, o que representou um recorde para a Lookout Records. E ao contrário de que rola com muitas bandas alternativas dos Estados Unidos, o Green Day encarou não só uma turnê nacional, como também esteve duas vezes na Europa.

A banda cresceu tanto que até a própria gravadora se ligou que eles eram muito pra um selo alternativo. Eles saíram fora da Lookout numa boa e assinaram com a Reprise Records em Abril de 1993. Aí a parada ficou diferente: eles passaram cinco semanas enfurnados dentro de um estúdio e o resultado foi "Dookie". Uma cacetada com apenas 39 minutos e vários hits.

O álbum chegou às lojas em Fevereiro de 1994 e, em alguns meses, ultrapassou a casa de um milhão de cópias vendidas. Aí foi uma festa: eles tocaram no Lollapalooza, no Woodstock 94 e não pararam mais. Quando a turnê acabou, o saldo de vendas de "Dookie" era impressionante: mais de 10 milhões de cópias.

O furacão "Dookie" mal havia passado e os caras já estavam armando um novo álbum, mas algumas confusões com empresários atrapalharam o processo. Apesar de tudo "Insomniac" foi lançado, mas não conseguiu repetir o grande sucesso de "Dookie". (Claro que, quando dizemos isso, entenda que o álbum não vendeu "tantos" milhões de cópias quanto "Dookie", mas foi bem).

Depois da turnê de "Insomniac" eles deram uma descansada. Em 1997 o trio voltou para o estúdio e mandou "Nimrod", lançado oficialmente no dia 14 de Outubro. No final de 1998, os californianos do Green Day desembarcaram pela primeira vez no Brasil e chaparam os locais em todas as suas apresentações. Alguém aí tinha dúvida que isso iria acontecer?

No ano 2000, o Green Day lançou o CD "Warning", mostrando um amadurecimento da banda, com músicas menos pesadas mas mesmo assim cativantes. E em 2001 veio o "International Superhits!", uma coletânea que reúne os sucessos dos últimos quatro álbuns.

aic_acustico.jpg

Discografia:

1,039/Smoothed Out Slappy Hours (1991) [Lookout! Records]
Kerplunk! (1992) [Lookout! Records]
Dookie (1994) [Reprise Records/WEA]
Insomniac (1995) [Reprise Records/WEA]
Nimrod (1997) [Reprise Records/WEA]
Warning (2000) [Reprise Records/WEA/Adeline Records]
International Superhits! (2001) [Reprise Records/WEA]

aic_acustico.jpg

Curiosidades:

*Green Day: 1) Gíria americana que significa fumar maconha durante muito tempo. 2) Billie Joe fez a música "Green Day" sobre sua primeira experiência com maconha.
*1,039/Smoothed Out Slappy Hours: Junção dos nomes dos primeiros EPs do Green Day; 1000 Hours, Slappy com o nome do LP 39/Smooth.
*Kerplunk!: Expressão que significa "Caia duro". Também é o nome de um jogo de mesa nos EUA.
*Dookie: O mesmo que shit, Merda em inglês.
*Insomniac: Pessoa que tem insônia. Billie Joe deu este nome ao álbum por causa das noites em que ficava cuidando do seu filho Joey e escrevendo as músicas do álbum.
*Nimrod: Gíria americana que significa idiota, retardado, mongolóide. Também significa caçador devido ao nome de um caçador citado na Bíblia.
*J.A.R.: Jason Andrew Relva; falecido amigo dos caras do Green Day.
*F.O.D.: Fuck Off and Die
*Going to Pasalacqua: Pasalacqua é o nome de uma casa funerária em Rodeo, Califórnia.
*Tight Wad Hill: Nome de um penhasco em Crockett, Califórnia, onde todos os drogados iam pra lá e assistiam os jogos de Futebol Americano da Escola John Swett, de graça.
*Stuart and the Ave: Esquina da rua Stuart e a Avenida Telegraph, em Berkeley, Califórnia.
* Stuck With Me: O nome da música não seria este. A música não tinha nome e graças à um erro de impressão ela passou a ter esse nome, que seria da música "Do Da Da" do Brain Stew/Jaded Single.
*Pulling Teeth: Nome tirado da música "Anesthesia Pulling Teeth" do Metallica. Billie resolveu dar este nome à música pois ela é sobre o relacionamento de Mike Dirnt e Anastasia, e o nome "Anesthesia" se parece muito com o nome da namorada de Mike.

aic_acustico.jpg

http://www.greenday.com/

http://www.greenday.net/

krisiun4.jpg